RSS

Como os cães sentem frio?

14 ago

Fiz um post sobre os cuidados que devemos ter com os cães durantes os dias mais frios (aqui), mas quando determinar se aquele dia está realmente frio para o animal? Será que o frio que o cachorro sente é como o que nós sentimos? Não!

Mundo Cão no Twitter e no Facebook

A temperatura do corpo do cachorro é bem diferente da nossa, sendo maior (entre 38 e 39,5°C). Isso dá condições para que cães suportem mais o frio que os seres humanos. Além disso, o pelo muda (ciclo piloso) conforme a estação, ficando mais denso no inverno (veja aqui o ciclo de mudança dos pelos).

como um cachorro sente frio?

Há também a questão da espessura da pele de um cachorro, que são mais grossas, mais soltas e com mais camadas de gordura no tecido subcutâneo. Até mesmo a forma como eles respiram mudam nos dias mais frios; eles liberam menos calor.

Não se engane. Ver um cãozinho tremendo não quer dizer que ele esteja com frio. O mecanismo cerebral provoca um leve tremor para gerar mais calor.

Além disso, cães de pelos longos sentem menos frio (ou não sentem), já que a densidade do pelo o protege. Huskys e são bernardos, por exemplo, são animais de lugares gelados e não há necessidade alguma de “embrulha-los”.  Lembre-se que o mercado pet apenas quer empurrar para donos leigos produtos que, na verdade, não são necessários.

Antes de vestir seu amigão, leve em consideração seu porte, peso e pelagem. Deixar um pinscher desprotegido e dormindo em uma varanda ou quintal não é a mesma coisa que fazer isso com um pastor alemão.

Anúncios
 
9 Comentários

Publicado por em 14 de agosto de 2012 em Curiosidades, Pelagem

 

Tags: ,

9 Respostas para “Como os cães sentem frio?

  1. Catarina Lima

    14 de agosto de 2012 at 6:49 PM

    Meus dois cães adoram dias mais frios, ficam muito mais animados!

     
  2. Luiz Souza

    16 de agosto de 2012 at 12:35 AM

    Eu tenho um pastor canadense (uma raça que originalmente é oriunda dos pastores suíços acostumados com ambiente de neve e adaptados ao clima do Canadá que tem neve em uma parte do ano). Quando o tempo esfria sinto que ele fica muito mais à vontade do que no calor, mesmo assim quando está muito frio eu espalho bastante jornal no lugar onde ele fica e ele junta o jornal com a boca e deita em cima. Quando ele não está com frio ele simplesmente deita no chão puro. Além disso, por mania dele, ele não dorme na casinha dele, o lugar preferido onde ele dorme é ao relento (mesmo tendo duas áreas cobertas e mais a casinha dele, ele só gosta de dormir ao ar livre). Acho que tem a ver com o que você fala em seu artigo…

     
    • Aline Rodrigues

      16 de agosto de 2012 at 10:42 AM

      Oi, Luiz. Que lindo! Minha são bernardo, a Madona, também prefere dormir ao relento, no chão (principalmente se for no azulejo). A coisa mais rara é vê-la dormir no cobertor. E com certeza é por causa do que digo no artigo. Os cães nos mostram e por isso precisamos prestar atenção aos sinais pra perceber o que eles querem. Grande abraço

       
  3. ledestak

    16 de agosto de 2012 at 3:54 PM

    de fato… o melhor amigo do homem!

     
  4. Felipe

    16 de agosto de 2012 at 4:19 PM

    pois eh… roupinhas sao: FRESCURA e CONSUMISMO

     
  5. eu mesma!

    17 de agosto de 2012 at 12:47 AM

    meu fox paulistinha é nudista!
    não fica de roupa de jeito maneira! uahuahauahau!

    nos dias frios, ou fecho a porta da casinha dele com um lençol e forro o interior de toalhas e lençois, de manhã tá mó quentinho lá dentro. Ele faz aqueles movimentos de ficar girando sem sair do lugar e forma uma espécie de “ninho” nas toalhas. Ele aumenta o consumo de ração, fica gordinho e qdo chega o calor, ele emagrece sozinho, diminuindo o consumo de ração. Super prático! queria ser assim!
    Se é um dia frio e chuvoso, ele fica amuado e não sai da casinha (só pra “ir ao banheiro” e comer/beber). Se é um dia frio e ensolarado, ele não sai do sol, fica lá tostando.

     
  6. Bruna

    16 de junho de 2016 at 5:17 PM

    Fiquei mais tranquila lendo seu post. Tenho uma Bernese e tenho acompanhado os sonos dela. Nestes dias mais gelados, não teve noite que ela não dormiu no gramada ao relento. Estava preocupada, mas agora entendi que é característica da raça. Obrigada

     
  7. suelygomes

    19 de julho de 2017 at 10:35 PM

    Boa noite, que bom ter lido o seu artigo estava um pouco preocupada com este frio, tenho um pastor manto negro ele tem uma casinha de madeira mais não dorme nela faço de tudo mais nada, até forro no chão da varanda mesmo assim ele não deita ficava preocupada porque está fazendo muito frio, mais agora fico mais tranquila, sabendo que ele suporta o frio, não tinha este entendimento sobre a raça, e realmente o que vc fala na sua postagem, que o pelo também protege, e realmente e tem muito pelo.

     

Obrigada por comentar. Vou ler e responder sempre. Volte sempre

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: